Cozinha do Mundo – Espanha

A PAELLA

Há pratos que, indubitavelmente, são associados a um país, como é o caso da "Paella" a Espanha.

A "paella" pode ser comida em qualquer cidade de Espanha, mas a sua origem é na zona de Valência, com documentos que a colocam entre o sec. XV ou XVI. Era a base de alimentação para os trabalhadores do meio rural. Usavam como ingredientes principais o arroz, azeite e sal, tudo confeccionado numa panela redonda com asas, ampla e rasa, chamada de "paella". As estes ingredientes juntavam o que apanhavam no campo, carne de caça (lebre e pato), legumes da estação e açafrão (que dá a cor amarela ao preparado).

Com a chegada da "paella" ao litoral, outros ingredientes começaram a ser adicionados, como os frutos do mar, camarões, lulas, mexilhões, e lagostins. A "paella" é considerado um prato festivo, pelo que não falta nos casamentos, aniversários, baptizados, feriados e fins-de-semana. Contudo, a verdadeira "paella" não leva frutos do mar ou mariscos.

Também conhecido como "arroz à valenciana", a origem do seu nome vem do latim "palella" (prato ou tacho pequeno). Dizem que a "paella" mais saborosa deverá, preferencialmente, ser confeccionada ao ar-livre num fogo a lenha.

Hoje em dia, pode-se encontrar varios tipos de "Paella":

- Paella Valenciana (a original);

- Paella de frutos do mar (desenvolvida mais tarde, leva camarões, lulas, mexilhões e açafrão);

- Paella Mista (popularizada na Costa Brava - zona da Catalunha - leva frango, porco, lulas, camarão, mexilhões, ervilhas, pimentão, azeite e açafrão).

 

Ficou com agua na boca e vontade de comer uma Paella? Deixamos-lhe aqui uma receita (in https://www.spain.info/pt_BR/que-quieres/gastronomia/recetas/paella.html

Ingredientes:

Ingredientes para 10 pessoas: 1 kg. de arroz, 2 kg. de carne de frango, 1 kg. coelho, 300 gr. tomate, 500 g. feijão verde, 250 g. alfarroba (uma variedade de feijões usados ​​para fazer a paella valenciana típica), 100 g. pimentão (opcional), 2 dúzias de caracóis (opcional), 3 dl. óleo, alguns fios de açafrão, alho (opcional), um raminho de alecrim (opcional), 6 g. páprica, sal e 3,5 l. de água.

Preparação:

Coloque a paella no fogo com o óleo e, quando estiver muito quente, adicione o frango e o coelho que foram picados anteriormente. Frite a carne até dourar levemente. O tomate é descascado, descascado e triturado e depois frito, em fogo baixo, junto com os pedaços de pimenta por 7 ou 8 minutos. Quando o sofrimento estiver quase pronto, adicione uma pitada de sal, as carnes e o colorau e refogue tudo novamente sem queimar. Adicione a água para cobrir o molho e deixe cozinhar. O tempo depende da consistência das carnes. Se o pássaro ou o coelho for ao ar livre, é calculado 30 ou 35 minutos. Dez minutos antes do tempo que calculamos para o cozimento das carnes, adicionamos o feijão e a alfarroba; desta forma, eles permanecem no seu ponto. Também podemos adicionar os caracóis, previamente eliminados. No final do tempo de cozimento, é adicionada mais água quente e a ebulição é deixada continuar por mais 3 ou 4 minutos. Adicione os fios de açafrão e o raminho de alecrim, retifique com sal e continue fervendo por mais 5 minutos. Em seguida, o arroz é adicionado de maneira uniforme e é permitido cozinhar por mais 5 ou 6 minutos em fogo alto, o que diminui gradualmente. Uma vez terminada a cozedura, é deixada em repouso por alguns minutos para que o arroz termine de absorver o caldo.Uma outra variedade é a paella mista, que pode ser servida com ingredientes como mexilhões, camarões, camarões, lagostins ou lulas.

Apresentação:

É servido na própria paella e é conveniente descansar por 5 ou 6 minutos.

Deixe o seu comentário